Semana de 3 a 9 de março de 2024
III DOMINGO DA QUARESMA – Ano B

O que podemos fazer para preparar este momento de oração? Como podemos preparar o espaço? Como podemos preparar o nosso coração? Como podemos sentir Jesus no meio de nós?
Podemos ter uma Bíblia aberta em João 2 e acender uma vela para iniciarmos a nossa oração.


Seguindo os passos de Jesus e animados pelo Seu Espírito, entreguemos-Lhe o nosso coração benzendo-nos

Em nome do Pai, em nome do Filho,
em nome do Espírito Santo, estamos aqui,


Para louvar e agradecer, bendizer e adorar:
estamos aqui, Senhor, ao Teu dispor.
Para louvar e agradecer, bendizer e adorar:
e aclamar Deus Trino de Amor.

Em nome do Pai…


Quando escutamos com atenção a voz do Senhor, sentimos a Sua luz e a Sua mão que nos guia, que nos conduz com o Seu amor e que purifica o nosso coração. Louvemo-Lo!


Agradecer é um ato de consagração pela vida que temos, revestido de um sentimento de reconhecimento e de humildade, que cria emoções positivas e fortalece os nossos laços com Deus.
Assim, aproximemos o nosso coração do coração de Deus, entregando-Lho e agradecendo-Lhe as infinitas graças que nos concede.


Jesus faz-Se companheiro da nossa caminhada e aponta-nos os caminhos de salvação. Escutemos na voz de um de nós, o que tem a dizer-nos em Jo 2, 13-22


Convidados a olhar para Jesus, a aproximar-nos dele, a ir atrás dele e a descobrir as Suas indicações, o Seu anúncio, tentemos perceber este texto do Evangelho.


Quanta honra ser verdadeiro templo que recebe a presença Divina e servir de morada a Deus (que se agrada em habitar no verdadeiro cristão com a presença santificadora do Espírito Santo)! Isso acontece quando estamos dispostos a deixar que Deus purifique o nosso coração… Reflitemos:

  • Sou capaz de me confiar completamente a Deus num acto de fé ou peço sempre sinais?

  • Deus proporciona-me muitos sinais da sua presença na minha vida. Acolho-os?

  • Contento-me com um culto exterior ou procuro oferecer a Deus o culto da minha obediência na vida diária?

  • Quem é Jesus para mim? Estou consciente de que só Ele e por meio d’Ele é possível encontrar a Deus?


O amor de Deus não se compra nem vende: é puro dom; É revestido de atitudes e gestos gratuitos de amor, de partilha solidária, de fraternidade desinteressada, de dádiva sem recompensa… Deixemos que, verdadeiramente convertidos ao Seu amor, a Sua misericórdia purifique o nosso coração e entreguemos-Lhe humildemente os nossos pedidos.


Com as nossas mãos sob o nosso coração, rezemos com fervor


Pai, hoje foi um dia difícil. Diversas vezes me distraí dos Teus caminhos e dei espaço à tentação. Mesmo sabendo que seguia o caminho errado, decidi seguir; sujei-me com as impurezas do pecado, poluí a minha mente e ignorei o Teu Espírito. Estou sujo e não tenho forças para me levantar. Peço-Te Senhor, que estendas a Tua poderosa mão para me levantar e purifica o meu coração, a minha mente e a minha alma das coisas que eu coloquei neles.


Fazendo do nosso coração um templo de oração, benzemo-nos

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.


Categorias: Proposta de Oração